#PitacosMusicais: Resenha de “Dizzy Up The Girl”, do Goo Goo Dolls

Peguei vocês desprevenidos, né? Deixe-me explicar: hoje eu completo dois anos de namoro com a pessoa mais paciente maravilhosa do mundo e como presente, minha namorada pediu uma resenha do disco favorito dela. Senhoras e senhores, direto de 1998, este é Dizzy Up The Girl, do Goo Goo Dolls.

Capa de "Dizzy Up The Girl"

Capa de “Dizzy Up The Girl”

O disco já explode logo de cara com o riff pesado de “Dizzy”. Com vocais poderosos e instrumentos agressivos, a primeira faixa do disco já fez que eu abandonasse a sensação de que seria um disco de baladas rock no estilo de “Iris”. Rápida e agitada, a abertura do disco mostra muita energia e, pra mim, uma incrível semelhança aos traços tradicionais do pop-punk.

“Slide” segue a mesma pegada depois de uma abertura com riffs de country. Infelizmente, esses riffs somem depois de um tempo em meio à canção. “Broadway” entra  a mesma pegada dos três acordes, mas com algo a mais. A diferença no estilo dos vocais e a batida mais animada da bateria dão uma levantada enorme no ânimo do disco e fica com o posto de melhor canção deste disco.

“January Friend” também é muito agitada e tem vocais maravilhosos e mostra a incrível capacidade de composição da banda, assim como a mais calma e bela “Black Ballon”, uma delicada canção que tem na guitarra e no piano seus principais elementos.

Já “Bullet Proof” e “Amigone” tentam fazer com que o volume suba de novo. A primeira, com quase 5 minutos de batidas imparáveis e clima extremamente pesado. A segunda aposta em vocais e bateria mais gritantes. Porém, elas tentam concertar algo que não estava quebrado. Se fossem como “All Eyes On Me”, que alterna entre versos mais tranquilos e refrões mais altos, essas faixas seriam melhor aproveitadas.

Falando em “All Eyes On Me”, a oitava faixa competiu furiosamente com “Broadway” e “Iris” pela posição de melhor do disco. São 4 belíssimos minutos de total e maravilhoso equilíbrio de cada elemento da canção que culminam na explosiva “Full Forever”, de estrutura parecida, mas com tons maiores e muito mais força.

“Acoustic #3” e “Iris”, em compensação, são as mais belas e delicadas canções do disco. A primeira, só com voz, violão e cordas é de uma calmaria e uma beleza rara na música moderna, já o mega-sucesso “Iris” é uma obra prima, sem contestação, mas para a proposta de Dizzy Up The Girl, “Broadway” acabou levando a melhor!

Assim que acontece o ultimo acorde de “Iris”, o trio americano chuta a porta com “Extra Pale”, que retoma o ritmo agitado do resto do disco, mas de maneira mais eficiente que “Bullet Proof”. “Hate This Place” encerra Dizzy Up The Girl de maneira gloriosa, mas com um problema semelhante a High Hopes, de Bruce Springsteen: talvez uma das 3 canções mais calmas do disco (“Black Ballon”, “Acoustic #3” e “Iris”) fosse uma escolha mais certeira para o encerramento de um disco tão bom, que precisou apelar para um fade out em uma ótima música para anunciar seu fim.

O Goo Goo Dolls fez um grande disco, com ótimas músicas e sucessos incontestáveis. Mas assim como Springsteen, tropeça em pequenos detalhes na organização das faixas. Com “Broadway” e “Iris” como pontos altos, o disco se mantém bem na parte musical, mas peca na setlist.

Valeu, gente! Beijão e até mais!

P.S.: Amor, espero que você tenha gostado do seu presente digital! Obrigado, não só por me mostrar o disco, mas por querer compartilhar seu mundo e suas coisas comigo! Espero que possamos dividir muito mais dos nossos gostos um com o outro por muito e muito tempo! Te amo demais!!! Feliz aniversário de namoro!!!

image

Eu e a pessoa mais maravilhosa do mundo!

Valeu, gente! Beijão e até mais!

Artista: Goo Goo Dolls

Disco: Dizzy Up The Girl

Melhor música: “Broadway”

Nota:  8,5/10,0

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s